Você também pode fazer parte desta homenagem!
Nascida no dia 8 de Setembro de 1960 em Presidente Dutra - Ma, trabalhou como missionária e educadora durante 30 anos. Um exemplo de esposa, mãe e missionária. Pedagoga eficiente, missionária Débora educou os três filhos na Palavra do Senhor. Fundou, juntamente com o Pastor Valmir, o Ministério Pentecostal Fé em Ação (MPFA). Foi professora de crianças nos estados do Maranhão, Amazonas, Bahia e Piauí. Organizou a Escola Bíblica Dominical e o Coral da Igreja Cristã Pentecostal em Piracuruca, treinou muitas professoras para a EBD do MPFA. Fundou a primeira Escola Evangélica de Educação Infantil em Piracuruca, que hoje se chama Escola Fé em Ação (EFA).  Casada com o Pastor Valmir, viveram felizes e abençoados até que o Senhor a levou para o Paraíso no dia 17 de Dezembro de 2014. Foi sepultada no Cemitério do Bairro de Fátima, em Piracuruca-Piauí.
"Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito."
Romanos 8:1
A menina dos sonhos de Deus
Débora e sua família em frente a casa onde cresceu.
Casa onde cresceu Missionária Débora, em Presidente Dutra-MA.
Últimos momentos de Débora com seu pai José N. Barros (Zeca Barros) no dia em que ele partiu para os céus.
Filha de José Nunes Barros e Maria de Lourdes Oliveira Barros, Missionária Débora teve dez irmãos que cresceram e foram educados no evangelho de Cristo. Seu nome veio da juíza de Israel Débora, uma grande mulher de Deus mencionada na Bíblia Sagrada, que significa "abelha". Sua família faz parte da 1ª Igreja Cristã Evangélica de Presidente Dutra, pastoreada atualmente pelo Pr. Reinaldo Miranda e Mis. Dalva, amigos de infância de Missionária Débora.

Com poucos dias de nascida, ela foi apresentada ao Senhor Jesus pelo Pr. Virgílio Reis Feitosa. Uma emoção especial e gratidão a Deus pela chegada dessa criança abençoada.
Débora com seu pai, irmãs e filhos em sua casa.
Débora e seus irmãos nas Bodas de Ouro de seus pais.
Sempre foi apaixonada por animais, em especial o seu fiel cãozinho Teddy, que a acompanhava por todos os lugares. Por onde andava, ensinava as crianças a cuidarem bem dos animais, pois eles foram criados pela mão de Deus.
Amor pelos animais
Conheceu o homem da sua vida durante as aulas no Seminário Cristão Evangélico do Norte (SCEN) em São Luis-MA. Casaram-se no dia 16 de Julho de 1984. Duas pessoas com um único propósito no coração: ganhar almas para Cristo e pregar a Sua Palavra. Viveram felizes e apaixonados por muitos anos, sempre cultivando o amor pela obra de Deus.
Coração de missões
Formou-se em Teologia no ano de 1982, sua turma se chamava "Lírio dos Vales". Trabalhou em igrejas no Pará, Maranhão, Bahia e Piauí.
Primeiro currículo de Missionária Débora
União Feminina forte
Dirigiu por muitos anos o grupo de União Feminina da Igreja Cristã Pentecostal em Piracuruca, desempenhando um trabalho exemplar que foi seguido por várias igrejas do Ministério.
Desde a fundação do MPFA, em 1991, Missionária Débora ganhou muitas vidas para Cristo e por isso é considerada uma mãe para muitos irmãos do Ministério. Seu carinho e dedicação para com a obra jamais será esquecida.
Os primeiros irmãos
Louvar era seu maior prazer
Missionária Débora aprendeu a tocar violão muito cedo e mais tarde tornou-se maestrina. Seu amor pelo louvor era enorme. Ela sempre participava das rodas de louvores após os cultos da Festa do MPFA. Criou o Coral do MPFA e deixou um legado para muitas gerações de coristas das igrejas. Ela adorava cantar hinos ao Senhor Jesus.
Seu louvor favorito: "Com a minha voz clamo ao Senhor" - Cantor Cristão
Missionária Débora lutou pelos ideais da família. Mulher honrada e virtuosa, educada sob a luz das sagradas escrituras. Durante suas idas ao estado do Maranhão a visitar parentes, sempre se preocupava com a vida espiritual de irmãos e amigos.
Uma família abençoada
Direita para esquerda: Loide (irmã), Mis. Débora, Sulamita (irmã) e Danielle (filha).
Direita para esquerda: Loide (irmã), Sulamita (irmã) e Danielle (filha)
Direita para esquerda: Eunície (irmã), Mis. Débora, Helenice (cunhada), Noemi (irmã), Teresinha (cunhada) e Solange.
Direita para esquerda: Helenice (cunhada), Eunície (irmã), Mis. Débora, Josélia, Solange e Sulamita (irmã)
Direita para esquerda: Diolindo (irmão), Pr. Valmir (esposo) e Arão (irmão)
Direita para esquerda: Raimundo e Benedita (primos), Teresinha e Felicinha (Tias).
Direita para esquerda: Diolindo (irmão), Pr. Valmir (esposo) e Arão (irmão)
Débora com suas tias Felicinha e Teresinha.
Sempre presente no lar, Missionária Débora educou os três filhos na Palavra de Deus. Ela exercia um papel importantíssimo dentro de casa: ouvia os filhos.

Seus filhos se chamam: Danielle, Felipe e Vinícius.
Mãe sem igual
Missionária Débora e seu esposo Pr. Valmir Alencar
Missionária Débora e seu esposo Pr. Valmir Alencar
Uma avó apaixonada
Ela sempre demonstrou o amor que sentia pela primeira neta (Lara Rebeca), a quem conheceu ainda em vida e passava boa parte do seu dia. Antes de partir, deixou tudo preparado para seu primeiro aniversário.
Missionária Débora, seu esposo Pr. Valmir Alencar e seus três filhos: Vinícius, Danielle e Felipe
Missionária Débora e sua filha Danielle
A Partida
Missionária Débora foi submetida a um procedimento cirúrgico de alto risco para tratamento de uma doença grave no cérebro. Mesmo com toda a gravidade da situação, ela entrou na sala de cirurgia louvando a Deus e com um lindo sorriso no rosto. Ainda evangelizou um dos médicos que a operou. Ela estava em paz, pois sabia que sua missão aqui na terra havia sido cumprida. Logo após a cirurgia seu corpo entrou em coma profundo. Ela só acordaria novamente na glória celestial. Partiu 24 dias depois da cirurgia, no dia 17 de Dezembro de 2014 às 21:45, deixando uma história de vida totalmente dedicada à obra do Senhor Jesus.
Missionária Débora com familiares e irmãos no hospital, alguns minutos antes da cirurgia.
Missionária Débora com familiares e irmãos no hospital, alguns minutos antes da cirurgia.
Louvando a Deus alguns minutos antes de entrar para a sala de cirurgia
Enquanto Missionária Débora estava em coma, muitos irmãos e amigos faziam vigílias de oração e louvores na porta do hospital.
Missionária Débora e seu filho Felipe
Mensagem especial de Missionária Débora
Sua missão foi concluída enquanto em vida e assim Deus a chamou para habitar no Paraíso. Seu legado vai permanecer em nossos corações até o dia em que nos encontrarmos no reino de Cristo.
Ela será sempre lembrada por todos.
Glória a Jesus.
Túmulo onde está sepultado o corpo de Missionária Débora
Livro de Visitas
Deixe aqui uma mensagem, foto ou recordação desta grande serva de Deus.
 
Você também pode participar desta homenagem
Tem alguma foto da missionária Débora? Envie-a para nós e publicaremos aqui no site com os devidos créditos.
Desenvolvido por Felipe Barros.