Obra Missionária

Obra Missionária como forma de expansão do Reino de Deus

missoes

A obra missionária está umbilicalmente associada à própria história da Igreja Cristã, que, começando em Jerusalém, logo se expandiu pelas proximidades, chegando posteriormente a lugares remotos. E continuará em sua trajetória até que cumpra a sua vocação profetizada em Atos 1:8, que é a de chegar até os confins da terra pelo poder de Deus e virtude do Espírito Santo.

Quando Jesus outorgou a grande comissão, disse: “Ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo, ensinando-as a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado” (Mt 28:19-20a). E eles, tendo partido, pregaram em todas as partes, cooperando com eles o Senhor e confirmando a Palavra com os sinais que se seguiram (Mc 16:20).

Se o próprio Senhor Jesus determinou essa estratégia como forma de expansão do Reino de Deus na terra, claro está que esta maneira é a mais indicada e também é a que deve ser aplicada. Não é de se admirar, portanto, que esse valor viesse a aflorar na coração de nossa Igreja, manifestado em recente pesquisa junto ao seu Corpo Eclesiástico.

Jesus diz em Mt 13:57 que “Não há profeta sem honra, a não ser na sua pátria e na sua casa”; isso pode significar que ele deve buscar essa honra distante de sua casa, de sua parentela, até, talvez, de sua terra, como Abraão (Gn 12:1-3).

 

O apóstolo Paulo deixou casa, parentela e a sua terra e partiu para a obra missionária visando expandir o Reino de Deus pelos quatro cantos da terra, ao contrário do apóstolo Pedro que se restringiu à região de Jerusalém.

A verdade é que a obra em lugares remotos cresceu muito, e os irmãos puderam inclusive socorrer os de Jerusalém quando estes estavam em grande necessidade. Isso prova o acerto do critério indicado por Jesus aos doze (Mt 10), aos setenta (Lc 10), e que posteriormente foi intensamente praticado por Paulo, Barnabé, Silas, Filipe e todos os demais irmãos que, despojando-se de seus interesses pessoais, partiram para o campo, ampliando as fronteiras do Reino e levando o Evangelho até os gentios.

A Igreja Cristã Pentecostal tem hoje uma obra missionária maior que a lógica de seu crescimento presumiria, devido a fatores que assim o determinaram. Manter um campo missionário só é possível se isso estiver no coração da Igreja, no espírito que a une em torno de um propósito maior, de um objetivo que não visa lucro ou retorno das importâncias que foram investidas, mas antes uma retribuição em vidas que, sendo salvas, são acrescidas ao Reino de Deus.

É preciso idealismo e amor às almas para utilizar a obra missionária como forma de expansão do Reino de Deus na terra. O trabalho remoto demanda auxilio financeiro, dedicação, muitas viagens, renúncia pessoal, coragem para se expor a riscos e enfrentar novos desafios a cada dia, além de muita paciência e fé.

Se este valor apareceu no coração de nossa igreja, isto é muito bom, mas é preciso consciência que não é só o querer mas também o efetuar que nos compete. Uns podem ser enviados abdicando de tudo, mas precisam ter a retaguarda daqueles que, não podendo ir, por qualquer motivo que seja, tenham a disposição de enviar, sabendo que o enviado não é maior do que aquele que o enviou (Jo 13:16), e isto foi dito por Jesus a seu próprio respeito.

Este é o desafio contido nesse nosso valor. Se você não vai e tem a obra missionária no seu coração, abra-o até onde for possível e envie os que têm disposição e condições para irem, dando-lhes cobertura espiritual (em oração) e financeira (com sua contribuição). Eles estarão pregando onde você não pode pregar e trabalhando onde você não pode trabalhar, e estarão lá fazendo o que talvez você gostaria de estar fazendo e tudo isso graças a você.

Se isto estiver no coração de muitos e muitos se unirem, cooperando ainda que com pouco, muitos serão enviados e expandirão através da obra missionária o Reino de Deus.

“O Que é a Obra Missionária?”

A Obra Missionária do Ministério Pentecostal Fé em Ação é uma Obra do Espírito Santo para a expansão e o crescimento do Ministério no Brasil.

“Como é Feita a Obra Missionária?”

A Obra Missionária do MPFA é feita por todos os crentes fé em ação e todos aqueles que têm amor pelas almas. É uma obra feita com muito amor pelos filhos e filhas de Deus.

“Como São Preparados os Obreiros?”

Os Obreiros são preparados na sede nacional do MPFA. Eles recebem um treinamento intensivo e passam por etapas normais do Curso Teológico. Após esse período são enviados às Igrejas Fundadas pela Obra Missionária.

“Como São Montadas as Igrejas pela Obra Missionária?”

As Igrejas recebem cuidados especiais. Salões são alugados nas ruas e avenidas com grande movimento, as cadeiras e os móveis para a igreja são comprados à vista e todos de boa qualidade. Os ventiladores e a mesa do altar, bem como a cortina também são comprados tudo seguindo as ultimas tendências. O obreiro recebe a igreja totalmente pronta para ministrar a Palavra e fazer discípulos para o Senhor Jesus Cristo.

“Por Quanto Tempo a Obra Missionária Mantém uma Igreja?”

Durante um ano a Obra Missionária envia a manutenção completa para a Igreja. Após um ano e meio será reduzido um percentual da receita estipulado pela direção do MPFA. Esse percentual será entre 25% a 50%.

“Como São Administradas as Igrejas do MPFA fundadas pela Obra Missionária?”

As Igrejas são administradas pela direção do MPFA, a receita da Igreja, entradas e saídas são administradas pela direção do MPFA.

“Qual Deve Ser o Alvo dos Obreiros e da Igreja?”

Crescer, ganhar almas para o Senhor e fazer discípulos. O Obreiro deve trabalhar incansavelmente para ganhar almas para o Senhor. O obreiro deve também lutar para que a Igreja tenha uma receita capaz de manter-se e assim dar condições para que a Obra Missionária funde outras igrejas.

“Qual o Objetivo Principal da Obra Missionária do MPFA?”

O Objetivo maior é a Salvação das Almas, levar almas ao Senhor Jesus Cristo, anunciar o Evangelho de Cristo a todas as pessoas e fundar igrejas por todo o Brasil.

“Como é Mantida a Obra Missionária?”

A Obra Missionária é mantida por meio de ofertas voluntárias, ofertas de amor que vem do coração dos filhos e filhas de Deus. Através dessas ofertas montamos as igrejas, alugamos salões, compramos os móveis. O pastor quando assume a Igreja encontra-a totalmente montada e organizada, o trabalho do obreiro é ganhar almas e edificá-las na Palavra do Senhor Jesus Cristo. Um povo edificado será um povo abençoado, e um povo abençoado dará frutos.

“Como Posso Participar da Obra Missionária?”

Todas as Igrejas do MPFA enviam uma Oferta a cada três meses para a Obra Missionária.

“Quem Não faz Parte do MPFA pode Ofertar?”

Qualquer pessoa pode enviar uma oferta! Seja um amigo, empresário ou trabalhador que tenha (ou não) vínculo a uma igreja. Todos podem participar!

 

Faça agora mesmo sua doação através de cartão de crédito, boleto ou débito online:





Um Voto Abençoado!
Os membros do MPFA, todos os pastores, obreiros e missionárias estão fazendo um voto de amor pelas almas. Faça já o seu voto e seja abençoado! Você que já fez o seu voto, estamos orando para que o Senhor te abençoe e continue fazendo de tua vida um milagre. Você é muito especial para a Obra Missionária.

Pr. Valmir Rodrigues
Presidente do MPFA

 

Comente algo

Deixe uma resposta