Igreja Cristã Pentecostal - Portal Nacional

Autor: Gleyson MartinsGleyson Martins é formado em Administração e exerce o pastorado na Igreja Cristã Pentecostal em Brasília - DF.

Escuridão

Escuridão

Olá, amigos e irmãos!

Para encerrar essa semana, trago mais uma ilustração. Hoje, a respeito da Esperança que Jesus traz ao coração perdido na escuridão.

“A ele quis Deus dar a conhecer entre os gentios a gloriosa riqueza deste mistério, que é Cristo em vocês, a esperança da glória.” Cl. 1:27

Eu acordei! Cai em mim, mas não sei onde estou, tudo está tão escuro, não vejo nada. Não sei como parei aqui, não lembro de ter caído, nem de ter me perdido. O escuro me assusta, ele é incerto, imprevisível, medonho. Esse lugar seria uma sala, uma caverna, ou uma prisão? Qualquer definição não seria capaz de expressar o desespero que sinto, como pode alguém estar perdido e não saber? Quanto tempo estou no escuro? Percebo que se não posso ver, fico mais propício a sentir, e sinto muito nesse momento.

Seria tão bom ter um amigo nessa hora, onde será que estão? E minha família, porque não me salva? Quando não possuímos nenhum recurso, as possibilidades que surgem se tornam tesouros.

Seria esse o meu fim, acordar no escuro e ter medo de pisar em falso ou de me ferir andando? Não consigo ver se estou fisicamente ferido, mas posso identificar que minha alma, o meu interior, está muito machucado.

A única coisa que consigo pensar é como poderia sair dessa escuridão, e choro ao tentar lembrar quem foi que me deixou nessa situação, quem causou tudo isso. Mas na verdade, isso não importa, e sim, como eu posso sair dessa agonia.

Tento fazer do meu jeito, grito, clamo por socorro, chamo pessoas, choro e faço barulho, na tentativa de que alguém me escute. Depois de muito tentar, me canso, e silêncio.

Em meio a pensamentos de morte e de derrota, escuto uma respiração suave, posso ter minha audição aguçada em meio ao escuro, e ouço uma voz tranquila, que parece longe e perto ao mesmo tempo. Me animo a cogitar que não esteja só nessa escuridão e então ergo a voz para comunicar-me com A voz suave, perguntando se ela é real. A voz se torna ainda mais forte, e me responde que sim. Desesperadamente eu me atrevo a perguntar como cheguei nessa situação e porque não me lembro. A voz me diz que fui eu mesmo que caminhei até a escuridão, até me perder.

Inconformado e ao mesmo tempo com medo de ser o meu fim, pergunto como posso sair do escuro. Ela diz que é simples, eu preciso caminhar em direção a luz. Fico extremamente agitado em procurar luz onde não enxergo, mas ouvir a Voz me deixa confiante de que existe uma saída.

A voz me diz que se eu posso ouvir eu também posso ver! -Olhe para mim! Disse a voz. Com muita atenção, volto todo o meu corpo em direção A voz suave que me fala, e enquanto á escuto, minha visão antes adormecida, começa a ver uma luz raiando no meio da escuridão. Meus olhos brilham ao ver um Homem tão belo, que clareia tudo a sua volta, inclusive a mim.

Quando olho para Ele então consigo me enxergar, e ao ver um ser tão belo que radia luz, não quero mais olhar para mim, e nem para minha situação, só vejo Ele. Enquanto estou com os olhos fitos nEle, todas as minhas indagações se vão, minha vida e segurança não importam mais, existe sentido e razão em permanecer olhando para Ele.

Mas quem será este Homem da luz em meio às trevas? Quando penso em me dirigir a ele para questionar sua identidade, sou surpreendido, pois ele me pergunta: – Como você me chamaria? Meu coração dispara, e as lágrimas correm no rosto enquanto respondo para mim mesmo: – ELE É A MINHA ESPERANÇA!

 

Deus abençoe sua vida,

A graça do Senhor!

 

A Piscina da Graça

A Piscina da Graça

Olá, amigos e irmãos!

Hoje trago uma ilustração que nos remete ao favor de Deus sobre nós. Que você possa escolher se entregar a Jesus.

Sou uma pequena criança, que vê aquela grande piscina cheia de Graça, eu nunca entrei lá, dizem que é boa demais. Os adultos que se acham mais espertos, preferem ficar sentados em volta da piscina, apenas admirando do lado de fora o movimento da Graça.

Penso comigo que essa Graça que se move é boa demais para não sentir! Quer saber? Eu quero experimentar!

Existem alguns degraus para descer, os homens adultos dizem para mim: – Nem pense em entrar na piscina da Graça, é funda demais para alguém tão pequeno como você!

Eu pensei em voltar e brincar no parquinho do mundo, mas isso não me satisfaz mais.

Fiquei rodeando a piscina da Graça, resolvi sentar na beira, e comecei a passar os pés, parece ser tão boa, por que ninguém entra? Que desperdício! O dono não se incomoda de ninguém usar sua piscina que foi tão sacrificante para encher de Graça?

Quer saber, alguns degraus não vão tirar a minha segurança, eu vou descer!

Enquanto os homens lêem um grande Livro sentados na cadeira da comodidade, eu vou experimentar um pouco… desci um, desci dois, desci três.

Ah!!!! Oh que piscina maravilhosa, eu nunca tinha experimentado uma piscina com Graça, ela é quente, não é fria e nem morna, é quente!!!

Os homens adultos viram minha alegria e me repreenderam, eles afirmaram: Você não tem sabedoria e conhecimento para conseguir mergulhar e se dar bem, nem nós ousamos entrar aí, saia já!

Porém, eu estou gostando tanto de experimentar essa Graça tão quente, que ouso descer só mais um degrau antes que me puxem.

Nessa animação de chegar com a Graça até ao pescoço eu soltei as mãos da minha segurança e pulei para o degrau mais abaixo. Então fui surpreendido, pois não existia mais degrau algum, meus pés perderam o alicerce, não encontro onde segurar os meus braços, eu não sei nadar em Graça, nem sabia que tinha treinamento ou aula para isso.

Estou começando a afogar, e agora me vem o desespero, eu perdi minha segurança, perdi o controle, a Graça está me levando para mais fundo e começo a submergir.

Eu não posso mais resistir, já existe Graça dentro dos meus pulmões, dos meus órgãos e de todo o meu corpo, e quando atinge a consciência da minha mente, é quando finalmente perco a razão, então me rendo a Graça e não desejo mais ser tirado dali.

Agora eu tenho um corpo morto, mas uma alma lavada de Graça. Ainda de olhos abertos eu vejo alguém andando acima da Graça, como se estivesse pairando sobre a  superfície, o que sinto neste momento nunca senti e sei que jamais sentirei.

Não me arrependo de ter arriscado! Se as pessoas soubessem o sentimento de estar lá no fundo da Graça, já teriam se lançado com suas vestes, sabedoria e razão.

Pr. Gleyson Martins

Constância

Constância

Olá irmãos e amigos,

Sejam bem-vindos a nossa reflexão de hoje!

Se você já é crente em Jesus, então sabe que a caminhada cristã não é nada fácil. Mas, também sabe que além da esperança que Cristo nos dá a respeito da vida eterna, existe o sobrenatural de Deus para hoje! Sim, você pode experimentar e viver diariamente o que a Bíblia chama de Manifestação do Espírito (I Co. 12:7). Mas, para chegar lá, é necessário ter CONSTÂNCIA!

Constância é um processo de algo contínuo, que é repetido diversas vezes, até que possa ser determinado como algo sólido que não se modifica, que se estabilizou. Ora, você não pode viver uma vida deliberada, desordenada e presunçosa, e em apenas um momento de oração, ou de leitura, ou de qualquer outra prática espiritual querer ver tudo diferente. Na vida cristã a constância precisa ser desenvolvida, para que se possa viver coisas maiores.

Se a sua prioridade, for o Reino de Deus, você verá as coisas do céu! Sabe, por quê? Porque crescemos e desenvolvemos naquilo que mais praticamos. Se exercito o meu corpo, terei maior resistência do que a pessoa que não pratica nenhuma atividade física. São escolhas! E aí, me diz: Quais são as suas? Quero abrir os seus olhos para a percepção de que tem mais de Deus, mas muitas vezes escolhemos não acessar esse mais. Por exemplo, você não vai para o inferno se faltar um culto, mas poderia receber mais de Deus se tivesse ido. E eu poderia dar muitos outros exemplos, mas creio que você já “sacou” a questão.

Agora, eu tenho duas mensagens, as duas são lindas e verdadeiras, mas muitos só vivem a primeira, veja:

1ª Mensagem: para todos os crentes
Creia que Jesus é o Filho de Deus, reconheça que é pecador e que precisa de um Salvador, e então receba Cristo como resgatador da sua alma confessando-o como Senhor e Salvador da sua vida. Pronto, está salvo! Essa é a garantia de ir para o céu.

2ª Mensagem: para os que querem mais de Deus
Para receber de Deus algo exclusivo e viver algo que ninguém viveu, é preciso fazer o que poucos estão fazendo. Separe-se, seja diferente, seja ousado, chame a atenção do Senhor. Daniel, foi um homem que recebeu interpretações de sonhos e visões da parte de Deus. Você gostaria de ver e saber essas coisas? Eu acredito que sim! Essa é umas das Manifestações do Espírito, mas não é para qualquer crente atoa não, é para crentes excelentes, diferenciados! Daniel tinha espírito de excelência, tudo o que este profeta realizava, dava certo! (Dn. 1:17) Não por ele ser o “preferidinho” de Deus, mas porque ele fez escolhas!
Ele escolheu se achegar mais a Deus, escolheu não se contaminar. (Dn. 1:8)

Se você chegou até aqui quero lhe lembrar 4 práticas da vida cristã que precisam ser constantes no seu dia-a-dia para que você possa ir além no sobrenatural de Deus!

1º CONSTÂNCIA NA ORAÇÃO
Você precisa orar, e não é só na hora de dormir não! Pense aí como é que se aprende a orar… pois é, praticando, ou seja, orando! Portanto, ore com vontade, mas ore sem também! Se dobre diante de Deus, de manhã, á tarde e á noite. Faça como Daniel que orava de contínuo á Deus, e veja a resposta de seu clamor chegando. (Dn. 6:10,22)
Quando oramos, nossos olhos espirituais são abertos, e podemos contemplar “O PLANO MAIOR DO PAI”.
De primeira, começamos a orar pelos nossos desejos, nossas necessidades, nossas lutas. Depois, com o tempo, o Espírito Santo vai nos conduzindo a orar pelos propósitos de uma outra pessoa, e a nossa necessidade fica descentralizada, começamos a viver o evangelho de Jesus. Esse crescimento nos leva a orar pela igreja, pelos Missionários no mundo, e pelos perdidos. Quando menos esperamos, já estamos visualizando o mundo espiritual, que se move através das Orações que temos feito, para cumprir a vontade de Deus. Lembre-se: Você é um agente do céu, movendo a terra!

2º CONSTÂNCIA NA LEITURA DA PALAVRA
Quem tem fome, precisa comer! (Jo. 6:5) Esse foi o entendimento de Jesus, diante de uma multidão faminta vindo em direção á Ele! Você olha para Jesus faminto? É nesse ponto que a Palavra de Deus vem.
Pense como um manual para todos os problemas e desafios. É como o Google, só que a mente brilhante não é uma tecnologia, é o próprio Deus, que criou o homem, e a sua inteligência.
Quando lemos a Bíblia precisamos ter a certeza de que o autor está ali, explicando ponto por ponto, palavra por palavra. O desejo do Espírito Santo é te fazer entender a mensagem deste livro: Deus O Pai te ama, e quer te fazer conhecer esse amor!
Ler a Bíblia fará de você um amigo pessoal do autor de todas as coisas, você saberá os segredos dEle, os projetos, promessas, o que esse Deus tanto deseja com homens pecadores.
Ao mesmo tempo que, conhecer as escrituras nos tira da ignorância do saber, ou seja, nos tira da vergonha de servir a um Deus que não sei nada, ou sei pelo que dizem. Ela também tira a arrogância, porque ela poda, limpa, e tira tudo que não presta.
É lendo a Bíblia que podemos realmente experimentar das Palavras Vivas, porque não traz um efeito qualquer para os que se dedicam a leitura, sempre traz mudança. Hebreus 4: 12. Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração.

3º CONSTÂNCIA NO ENVOLVIMENTO DOS TRABALHOS DA IGREJA
Estar presente e cooperar, traz o sentimento de satisfação por fazer parte verdadeiramente do corpo de Cristo. Ser útil, e ajudar pessoas, isso é servir no Reino de Deus, e isso é estar envolvido nos projetos do dono do poder, estando onde Ele sempre opera, na igreja! Esteja sempre pronto a servir, como Jesus fez quando esteve em carne aqui na terra. Mateus 20:28. como o Filho do homem, que não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos.

4º CONSTÂNCIA NA FÉ
Crer, fará toda a diferença. Se posicione como alguém que acredita, e veja coisas grandes, veja o espiritual, veja o que as pessoas comuns não conseguem ver. Hebreus 11:6. Sem fé é impossível agradar a Deus, pois quem dele se aproxima precisa crer que ele existe e que recompensa aqueles que o buscam.

Porque buscar primeiro o Reino de Deus?
Como não amar alguém que cuida tão bem de mim? Alguém quem investe tempo, que atende aos meus pedidos e sempre me surpreende, que está sempre presente quando mais preciso, e quando estou bravo, continua ali, esperando eu atacar.
Jesus é esse amigo, que mesmo não recebendo a gratidão devida, continua cuidando, continua amando. 2 Pedro 3: 18. Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém.

Hoje fico por aqui, e oro pedindo para que o Espírito Santo lhe ajude a ir além, e a ter constância para ver o manifestar da glória de Deus.

Deus abençoe sua vida,

A graça do Senhor!